Clima

Santa Catarina registra a temperatura mais quente do ano nesta quinta-feira

Santa Catarina registra a temperatura mais quente do ano nesta quinta-feira

Na quarta-feira, 15, o Consórcio Fênix lançou oficialmente o aplicativo Floripa No Ponto, que promete facilitar a vida dos usuários do transporte coletivo na Capital catarinense. Nesta quinta-feira, 16, primeiro dia útil após o lançamento para os ônibus convencionais, a reportagem da Hora de Santa Catarina foi às ruas conferir o funcionamento do app.

Nosso ponto de partida foi a redação do jornal, no alto do Morro da Cruz. Nosso destino era o Mercado Público de Florianópolis, onde iríamos prestigiar o 1º Encontro de Fuxiqueiras. Em vez de pegar apenas a linha 160-Morro da Cruz, que vai até o Terminal de Integração do Centro (Ticen), decidimos saltar do primeiro ônibus próximo ao Beiramar Shopping e pegar a linha 133-Agronômica, na Rua Frei Caneca. A ideia era usar mais de um coletivo para ver se o aplicativo realmente cumpre o prometido.

O Floripa No Ponto conta com quatro opções de interação: “ponto”, que é aquela baseada em sua localização atual; “linhas”, onde é possível consultar todas as linhas oferecidas; “como chegar”, onde se pode escrever os endereços de partida e chegada e receber a indicação das linhas que fazem o trajeto; e “favoritos”, onde se pode armazenar as informações sobre as viagens mais frequentes.

Vale ressaltar que, apesar do período de testes ter acontecido entre agosto e novembro nos ônibus executivos da Capital, o Consórcio Fênix afirma que o Floripa No Ponto ainda segue em testes, sujeito à mudanças e melhorias. Confira nossas primeiras impressões:

Geolocalização incorreta

Saímos da redação do jornal, no alto do Morro da Cruz, às 9h. Depois de baixar e abrir o aplicativo (veja como fazer no final da matéria), logo constatamos a primeira dificuldade. O app propõe usar sua localização atual para sugerir as linhas de ônibus que passam por ali, mas em vez de nos posicionar no Morro da Cruz, o app indicava que estávamos nos Ingleses (a 30 km de distância).

“Tempo real” não funcionou

Quando o Consórcio Fênix anunciou que lançaria o aplicativo, em agosto, a propaganda era de que seria possível acompanhar o trajeto dos ônibus praticamente em tempo real. Porém, ao longo de toda a viagem (pegamos dois ônibus) não foi possível ver onde estavam os coletivos durante o itinerário.

O app até indicou o tempo estimado para a chegada do ônibus no ponto em que estávamos, mas a impressão que tivemos é de que o aplicativo se baseia na grade de horários oficiais do Consórcio Fênix e não na posição atual do veículo.

“Como chegar” aprovado

É claro que quem está acostumado a pegar o mesmo ônibus todos os dias não precisa usar esta função do app, mas ela é boa para ser usada quando vamos para um lugar novo ou pelos turistas que chegam à cidade.

O funcionamento do “como chegar” é bastante simples: você indica o ponto de partida e o de chegada, e o app fornece diversas opções de itinerário, indicando até mesmo o trajeto a pé e a distância até o ponto de ônibus. Função aprovada!

Como baixar

Apesar de apresentar alguns defeitos, o aplicativo Floripa No Ponto apresenta algumas funcionalidades que ajudam o usuário do transporte coletivo a melhorar sua mobilidade. Mesmo sabendo que o app deverá ser reajustado pelo Consórcio Fênix, vale a pena baixá-lo, principalmente se costuma ir a lugares diferentes ou se está de visita em Florianópolis.

Para baixar, basta acessar a Google Store (sistema Android) ou a Apple Store (sistema iOS) e procurar por “floripanoponto“. Depois de finalizar o download, é só abrir o aplicativo e começar a usar.

Fonte:DC

radiofloripa

novembro 16th, 2017

No Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *