Avaí

Vaiado pela torcida, Pedro Castro reencontra o gol e recebe elogios do técnico do Avaí

Vaiado pela torcida, Pedro Castro reencontra o gol e recebe elogios do técnico do Avaí

O chute fora do alcance do goleiro Paulo Victor, do Grêmio, o gol, a comemoração ajoelhado no gramado da Ressacada e cercado pelos companheiros de Avaí. O meia Marquinhos ergueu o colega para o alto, o atacante Junior Dutra aplaudiu e o zagueiro Betão apontou com o dedo indicador. Todos no grupo azurra festejaram o tento anotado por Pedro Castro, que enfrentou as vaias da torcida em jogos recentes em casa. Pesava ainda o fato de ser escalado como substituto do ídolo azurra e os tropeços da equipe, que voltou à zona de rebaixamento do Brasileirão.

— Pedro Castro é intenso, cumpre bem suas funções ofensivas e defensivas, estava jogando de costas, que é mais difícil, com a 10, e era inevitável a comparação com o Marquinhos. Quando precisamos de mais competitividade colocamos ele, e o Marquinhos esperou. Acho que o processo foi muito bem conduzido, como o Marcos mesmo falou para vocês. Também acho que é muito mais prazeroso voltar ao time titular ganhando posição, porque entrou e rendeu, do que apenas por ser ídolo. Acho que o Pedro tem jogado bem com o Judson vindo de trás, acho que teve boa atuação, errou pouco e fez um bonito gol — elogiou o técnico Claudinei Oliveira.

Depois do empate com o Grêmio em 2 a 2, o treinador defendeu o posicionamento de Pedro Castro em campo. Enfatizou que a titularidade foi conquistada por méritos dele, e “não porque eu indiquei”.  Claudinei também salientou a pressão sobre o jogador.

— Ninguém se rendeu porque o torcedor xinga. Qualquer setor que trabalha sob pressão é complicado, mas no futebol é assim. Quando joga fora e sofre, você espera apoio quando volta para casa, mas o Pedro vinha sendo cobrado. A gente escuta cada absurdo. Pedro tem cumprido sua função, tem dois gols, deu assistência, está jogando por mérito, não porque eu indiquei. Já indiquei o zagueiro Gustavo, o Lucas Otávio, o Simião, que não jogam. A gente opta por jogar assim — frisou o técnico do Avaí.

De volta à zona de rebaixamento do Brasileirão, o Avaí tem confronto direto contra a degola na próxima rodada. No Estádio Couto Pereira, o Leão encara o Coritiba, às 21h de sábado.

Fonte: DC

radiofloripa

outubro 30th, 2017

No Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *